Jazzman Records

SPIRITUAL JAZZ XII: IMPULSE! Esoteric, Modal & Progressive Jazz From The Impulse! Label 1962-75 - V/A (3xLP, comp., capa tripla, importado, novo)

ou até 12x de r$ 39,16


Estado: NOVO
Formato: 3xLP
Ano de prensagem: 2020
País de prensagem: Reino Unido
Condição Capa/Disco: N / N (?)

  • Coletânea de 17 faixas em conjunto de 3 LP com capa gatefold tripla, resenhas extensas e fotos.

    Neste capítulo da série Spiritual Jazz, a Jazzman Records volta à fonte - o selo e gravadora Impulse! e a influência monumental de seu artista mais proeminente, John Coltrane.

    Desde o primeiro lançamento da série em 2008, a Jazzman Records mapeou o crescimento do som espiritual no jazz. Energizado espiritualmente e politicamente consciente, o som espiritual na música jazz é uma das correntes mais importantes da música. A série traçou o crescimento do estilo desde os primeiros experimentos nos selos Blue Note e Prestige até as excursões pela Europa, experimentalistas exilados e sons do mundo todo. Mas sempre que você pensa em spiritual jazz, pode apostar que o duplo ponto de exclamação e a coluna laranja e preta da Impulse! vêm à mente rapidamente. Casa de John e Alice Coltrane, Pharaoh Sanders, Yusef Lateef, McCoy Tyner e incontáveis ​​outros pioneiros musicais, Impulse! foi o selo de jazz mais importante e com visão de futuro dos anos 1960. Com a atitude da música em primeiro lugar de um selo independente, mas com a influência de uma major, os produtores Creed Taylor e Bob Thiele fizeram da Impulse! a marca definidora de uma década crucial. Eles escolheram a dedo os melhores músicos do momento e deram-lhes liberdade para gravar a música que quisessem, abrindo sua tenda com um lema ousado - 'A nova onda do jazz está na Impulse!'

    Nesta coletânea, mergulhamos profundamente no catálogo Impulse!, trazendo obras-primas célebres de Alice Coltrane e Pharaoh Sanders para a compilação, junto com faixas menos conhecidas de Phil Woods e John Klemmer, bem como clássicos de Yusef Lateef e Elvin Jones. Cinquenta anos depois, a nova onda de jazz ainda soa fresca, vibrante e relevante como sempre.

    Essencial.


  • Utilizamos uma classificação baseada nos padrões internacionais Goldmine e Record Collector Grading Systems. É o código universal para descrever precisamente a condição de um disco.

    S • Sealed / Lacrado
    O disco e a capa estão novos e ainda lacrados.

    N • New / Novo
    O disco e a capa estão novos, nunca tocados, porém não lacrados.

    M • Mint / Estado de novo
    O disco está em estado novo, absolutamente perfeito.
    Capa e documentos adicionais como encarte, folheto ou cartaz estão em perfeitas condições.

    NM • Near Mint / Quase Novo
    Descreve um disco quase novo, esta graduação é utilizada para discos que aparecem praticamente impecável, mas não perfeito. Uma marca superficial muito pequena pode aparecer no disco. No entanto, o disco deve tocar sem qualquer ruído sobre o defeito, a qual deve ser muito difícil de detectar.
    A capa fica perto de perfeita, nova, com apenas mínimos sinais de desgaste. Marcas menores na capa (devido à borda externa do disco que ficou dentro) ficam aceitável, porém a arte da capa deve ser tão perto da perfeição quanto possível.

    EX • Excellent / Excelente
    O disco mostra alguns sinais de ter sido tocado, mas há muito pouca atenuação na qualidade do som.
    A capa e a embalagem pode ter um ligeiro desgaste mas um excelente aspecto geral.

    VG+ • Very Good Plus / Muito Bom Plus
    A condição mais comum para os discos. O disco foi tocado algumas vezes, mas não exibe grande deterioração na qualidade do som, sem desgaste, apesar de leves e ocasionais marcas superficiais.
    A capa tem alguma imperfeição de manipulação como uso e desgaste normal, etiqueta de preço, marcas leve de vinco, … A capa também pode ser em perfeita condição, porem com um selo de DJ ou de cópia promocional, ou com um corte no canto.

    VG • Very Good / Muito Bom
    Capa que sofreu de dobrar, deformação de lombada, descoloração... Agora os sinais da idade e manuseio estão começando a aparecer. Você pode notar algum desgaste na superfície, há algum ruído e estalos. O disco pode ficar levemente empenado. Na dúvida, caso não tem uma descrição clara da condição no qual se encontra o disco, pode ser bom perguntar mais detalhes ao vendedor.

    VG- • Very Good Minus / Muito Bom Menos
    Os sinais da idade e manuseio estão muito presente. O disco apresenta desgaste na superfície, fica arranhado e toca com ruídos e estalos. O disco pode ficar levemente empenado e pode pular. Na dúvida, caso não tem uma descrição clara da condição no qual se encontra o disco, pode ser bom perguntar mais detalhes ao vendedor.
    Capa com muita marcas de idade e manuseio, deformação de lombada, descoloração...

    G • Good / Bom
    O disco foi tocado tanto que a qualidade do som foi visivelmente deteriorado, ruídos permanente, distorção e arranhões. Pode pular em vários momentos. A capa e os conteúdos podem ser rasgado, manchado e/ou apagado, também pode haver alguma escrita nela.

    B • Bad / Ruim
    O disco não toca corretamente devido a arranhões, ruídos ruims, pulos, etc ... A menos que seja algo muito raro não vale a pena escutar um disco nesta condição.
    A capa e os conteúdos são bastante danificados ou parcialmente ausentes.

    NA • Not Applicable / Não Aplicável
    Não tem disco, esta faltando.
    Não tem capa e/ou o disco se encontra numa capa branca, sem informação nenhuma.